Como desentupir a tubulação de casa de forma sustentável

Fossatrat
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no google
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no facebook

Nossos sistemas de saneamento básico trazem muita comodidade e segurança sanitária, de maneira que as coisas ficam caóticas quando acontece o entupimento de qualquer um dos canos da casa. Muitas vezes, na urgência de desentupir a tubulação, adotamos medidas pouco sustentáveis e, mais que isso, potencialmente tóxicas para o ser humano.

Por isso, hoje preparamos uma série de dicas para desentupir a tubulação e também mantê-la limpa e livre de outros entupimentos.

Porque evitar os meios convencionais

O método mais comum utilizado para desentupir tubulação em geral, seja em casa ou estabelecimentos é o da Soda Cáustica. Esse composto tem, verdadeiramente, uma ótima efetividade, sendo capaz de promover uma dissolução rápida e profunda de gorduras e corroer materiais que possam ter ficados acumulados na tubulação.

Colher com soda caustica prestes a ser jogada no ralo e com um símbolo de negativo em cima dela

Mas a mesma efetividade da soda cáustica também podem causar uma série de outros problemas. Apesar de mais rápida na ação, os efeitos da soda cáustica no ambiente e na saúde podem ser grandes e duradouros: 

  • Apesar de rápida e prática, ocasionalmente o encanamento vai acabar entupindo outra vez se não houver um uso adequado e uma manutenção;
  • Justamente por sua função corrosiva severa, a soda cáustica acaba corroendo também o seu sistema de tubulação, o que causa gastos extras de água com foco difícil de encontrar. O estrago ocasionalmente avança para a tubulação pública, danificando a qualidade de sua captação, que pode ocasionar em entupimentos ainda mais profundos;
  • Mais do que tudo isso, a Soda Cáustica é um composto extremamente perigoso para o ser humano, tanto no contato sobre a pele e as mucosas, a ingestão e até mesmo seu cheiro podem fazer mal, causando irritações, queimaduras e até mesmo levando à morte de acordo com o volume a que se foi exposto.

Todo cuidado é pouco com compostos potencialmente nocivos, especialmente em ambiente habitados por crianças, que têm curiosidade por tudo. Veja também para que serve soda cáustica.

É possível tomar medidas sustentáveis para proteger a sua saúde e de sua família e manter a integridade de suas tubulações, evitando futuros entupimentos e mais dores de cabeça:

Dicas para desentupir a tubulação

Antes de tudo, é importante sempre pensar que a melhor maneira de combater problemas desse tipo é evitando suas potenciais causas de entupimento. Gordura, cabelos e derivados da celulose são os principais itens encontrados obstruindo os encanamentos, formando uma crosta pela extensão da tubulação e que ocasiona entupimentos em diferentes partes, por isso o desentupimento de uma parte não é garantia de que outro entupimento não vá acontecer logo em pouco tempo.

Arte gráfica mostrando uma pia de cozinha e um banheiro

Justamente por ser tão tóxica e corrosiva, a soda cáustica não pode ser utilizada com regularidade para a manutenção da tubulação, tendo de ser empregada somente em últimos casos, o que acaba sendo muito pouco efetivo e caro em longo prazo.

Alguns hábitos  simples podem fazer muita diferença na manutenção do encanamento, por exemplo:

  • Evitar jogar cabelos na privada;
  • Evite dar descarga em papel higiênico;
  • Aplique um filtro na pia da cozinha para evitar que comida caia dentro do cano;
  • Tenha uma rotina ao menos mensal de limpar preventivamente o encanamento;

Não é fácil vencer a comodidade de atirar restos de comida no ralo da pia, por exemplo, mas você pode ter uma composteira, que vai dar um propósito mais interessante para a forma como se trata os lixos orgânicos.

Táticas para desentupimento

Para desentupir a tubulação, você pode utilizar algumas técnicas simples, que podem ser repetidas diversas vezes sem causar qualquer tipo comprometimento à tubulação ou à sua saúde: 

Solução de bicarbonato de sódio com vinagre e limão

O Bicarbonato de Sódio é uma base incrível para ajudar na limpeza de diversas coisas. Isso porque tem grande alcalinidade, o que facilita muito sua atividade quebrando partículas de gordura. 

Balde e borrifador um do lado do outro e vinagre e bicabornato ao lado

Quando ativado pelo vinagre, que é outro ácido atóxico com ótimas propriedades de limpeza, tem seu efeito aumentado, porque o bicarbonato se expande. Adicionar limão à fórmula ajuda ainda mais, pois o sumo da fruta também é um grande desengordurante.

Você pode preparar de diferentes maneiras sua solução:

  • Comece despejando um copo quase cheio de bicarbonato pelo ralo;
  • Então misture um copo de vinagre com o sumo de um limão espremido e jogue pelo ralo;
  • Depois de uma média de 15 minutos, jogue entre 3 e 4 litros de água bem fervida para lavar a mistura e levar embora o que sobrou.

Você pode repetir este procedimento mais de uma vez, caso precise. O efeito corrosivo do bicarbonato é bem menor, então nem sempre irá funcionar de primeira, de acordo com o quão entupida a tubulação está.

Biorremediadores

Uma solução mais tecnológica e efetiva do que o bicarbonato, e até mais ecológica, é o uso de biorremediadores, que são compostos preparados biotecnológicamente, selecionando as melhores enzimas e bactérias que se alimentam justamente dos componentes que mais entopem os encanamentos (gorduras, carboidratos, celulose, açúcares). 

Ralo de pia com água escorrendo

Sua aplicação é mais prática e pode ser mais regular. O composto permanece na tubulação por um tempo, fazendo um trabalho completo pela extensão dos canos, sem precisar ser lavado.

Fossa Trat é um composto dessa categoria, que possui certificação da ANVISA e, mais do que não agredir ao meio-ambiente, sua solução ajuda também a tratar a tubulação pública de captação de esgoto.

Por sua aplicação regular, Fossa Trat ajuda a prevenir futuros entupimentos, além de prevenir o mau cheiro dos ralos.

Entupimento severo

Há entupimentos de difícil solução químicas até mesmo para a soda cáustica.

Os compostos aqui discutidos possuem eficácia no desentupimento progressivo e na manutenção do encanamento, mas há situações onde o desentupimento tem que ser feito fisicamente.

A maneira mais popular é com o desentupidor, de ralo ou privada:

  • Encha a pia d’água o suficiente para que o desentupidor fique coberto pela água, então tape todos os demais ralos que compartilham do mesmo sistema, isso ajuda a aumentar a pressão exercida.
  • Quando perceber que o encanamento pegou pressão, faça movimentos fortes e rápidos para sugar para fora o que quer que esteja obstruindo o encanamento.

Você pode também tentar “fisgar” ou empurrar a obstrução usando um arame com a ponta dobrada em forma de anzol, basta ir introduzindo o arame na tubulação até encontrar algum tipo de bloqueio, então puxar para fora ou empurrar para o encanamento público.

Caso o entupimento seja na pia, você tem a opção de abrir o sifão e tentar encontrar mais de perto o foco do entupimento.

Gostou das nossas dicas sustentáveis para desentupir tubulação? No blog da Fossa Trat você encontra guias completos para cuidar da qualidade de suas tubulações, e em nossa loja online, conhece o produto revolucionário e sustentável para acabar com as dores de cabeça com entupimentos!

Este post tem um comentário

  1. Rogerio Walmor Mueller

    Explicações e dicas bem interessantes.

Deixe uma resposta